Tags

Aonde guardo meu sofrimento?

Gostaria de saber aonde guardo meu sofrimento.

Com isso em mente, passei a tarde com a sensação de que procurava por algo que não conseguia encontrar. Procurei nas pessoas com que convivo, procurei numa música, num trecho de um livro, inclusive embaixo do tapete.

Quando parei de procurar no exterior e me voltei para o meu interior comecei a encontrar alguma coisa.

Olhei para minhas memórias e nelas encontrei fragmentos do que poderia ser algo que chamarei de sentimento. Encontrei meus gostos pessoais, minhas risadas, minhas caretas e algumas moedas.

Mas havia algo de errado pois o local onde tudo estava armazenado estava inundado, foi quando descobri aonde guardei meu sofrimento.

Dentro de cada sentimento não compartilhado, dentro de cada sentimento em que vivi/experimentei ao máximo, junto a momentos felizes e de extrema alegria, lá encontrei meu sofrimento.

Então compreendi que meu sofrimento estará presente aonde eu depositar o meu afeto, a minha felicidade a minha amizade e o meu “coração”. Aquilo que eu “perder” e não me arrepender é por que nunca houve sentimento.

Mas agora estou encucado.

Onde está a chave do meu cadeado?